TRE publica cassação de Pezão; governador do Rio pode recorrer para ficar no cargo

TRE publica cassação de Pezão; governador do Rio pode recorrer para ficar no cargo
Foto: GOV-RJ

A cassação do governador Luiz Fernando Pezão e do vice-governador, Francisco Dornelles, do PMDB, foi publicada nesta segunda-feira (20) no Diário da Justiça, por determinação do Tribunal Regional Eleitoral (TRE). O tribunal condenou Pezão e Dornelles por abuso de poder político e econômico durante a campanha à eleição. Pela decisão, os dois ficam inelegíveis por oito anos e têm os diplomas cassados. A ação que culminou com a cassação foi movida pelo deputado estadual Marcelo Freixo (Psol-RJ). Ainda cabe recurso no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Com a possibilidade de recurso, o governador e vice continuarão nos cargos.  “A crise institucional, política e econômica, e por que não dizer moral, são de envergadura jamais vivenciada, motivo pelo qual a melhor solução é a de devolver à população o direito que lhe é inerente, a saber, o exercício do sufrágio”, diz a decisão. O mandato de Pezão foi cassado por três votos a dois, no último dia 8 de fevereiro. As novas eleições só devem ocorrer quando não houver mais possibilidade de recurso. Pezão afirma ter provas de que toda sua campanha ocorreu dentro da legalidade e que não houve abuso. "A gente podia receber doações de empresas, e isso foi feito pelo meu comitê de campanha. Temos todos os materiais para comprovar que foi tudo feito dentro da legalidade. Essas empresas doaram para o Brasil inteiro. Estou tranquilo em relação a isso. Estou há 32 anos na política e nunca tive problemas como esse", afirmou o governador.

Postagens mais visitadas deste blog

Serrolândia: Homem é assassinado na porta de casa no povoado de Maracujá

Serrolândia: Mulher morre envenenada