sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Tragédia em partida do Campeonato Angolano deixa ao menos 17 mortos e 60 feridos

Tragédia em partida do Campeonato Angolano deixa ao menos 17 mortos e 60 feridos
Foto: Tekassala Toco

Um simples jogo de futebol acabou em tragédia na tarde desta sexta-feira (10). Num jogo válido pelo Campeonato Angolano, cerca de 17 torcedores morreram após uma invasão de pessoas em um dos portões do Estádio Municipal 4 de Janeiro, em Uíge, , onde acontecia o jogo entre Santa Rita de Cássia e Recreativo do Libolo. De acordo com informações da agência de notícias Lusa, de Portugal, um tumulto teria causado a tragédia, no qual essas 17 pessoas teriam sido pisoteadas ou ficaram asfixiadas. Segundo testemunhas, tudo começou quando a polícia tentou dispersar um fluxo de pessoas que estava em frente à praça esportiva. Segundo as informações da agência, outras 60 pessoas estão feridas, sendo cinco em estado grave.  Apesar da confusão, a partida não foi interrompida. O time da casa venceu a partida por 1 a 0. Técnico do Santa Rita, Sérgio Traguil, admitiu que não sabia do acidente no momento da partida. “Eu só soube do sucedido quando saí do estádio. Ninguém à nossa volta sabia. Nada podia prever isto. O estádio tem boas condições. É horrível. Estou devastado, nunca pensei que me fosse acontecer isto”, lamentou.

Mulher mata marido a facadas e a marretadas no Junco distrito de Jacobina

Por volta das 7:00hs desta quinta-feira, 24, Tiago Ferreira de Araújo, 51 anos, foi assassinado na Rua Herculano Genuário no Junco, distri...